Telefone:

(12) 3424-2403 | (12) 3424-2413

   Rua Dr Gastão Câmara Leal, 600, Taubaté SP 12020-080

 

            Horário de Funcionamento: Das 9h às 18h00

                    E aos Sábados: Das 9h às 13h

 

Redes Sociais:

  • Google+ Clean
  • facebook

Formas de pagamento:

© 2020 AUREA TUR |Todos direitos reservados

 
 
 

Motivos para conhecer Las Vegas

 

Las Vegas é um parque de diversões construído em forma de cidade.

A Strip, a avenida principal, é a passarela que conduz a uma espécie de Second Life materializada — um universo paralelo onde a Torre Eiffel está a uma quadra do skyline de Manhattan, a duas quadras das gôndolas da Piazza San Marco de Veneza e a três da esfinge de Gizé, tudo isso com um vulcão no meio (que, por sinal, entra em erupção a cada meia hora toda noite).Os cassinos ainda ocupam os espaços mais nobres, mas são tantas as outras atrações em cartaz (shows, shoppings, passeios, restaurantes estrelados), que você pode passar uma semana inteira em Las Vegas sem chegar nem perto de um caça-níquel .Num lugar onde o autêntico é ser fake, você ser pode ser o que quiser, que ninguém vai ligar. “O que acontece em Vegas não sai de Vegas”, escancara o slogan da cidade. Divirta-se!

01

Fontes do Bellagio

Uma das icônicas imagens de Las Vegas, as Fontes do Bellagio são um dos mais belos espetáculos da cidade. Pode parecer um programa batido e até meio bobo, mas, acredite, basta a música começar e o primeiro jato de água ser disparado para que todos os turistas ao redor do lago fiquem hipnotizados. Não há como.

02

Grand Canal Shoppes

O cenário é de Veneza e o clima, totalmente italiano. Ao redor de uma réplica da Piazza San Marco, restaurantes badalados convidam a um delicioso jantar. No teto, o espetáculo fica por conta do céu de mentirinha. O clima é sempre de romance no interior deste shopping, que é ícone da extravagância de Vegas.

03

High Roller Observation Wheel

A 160 metros de altura, dentro de uma cabine com visão de 360°, você experimentará uma das melhores vistas de Las Vegas. Entre as mais novas atrações da cidade, a High Roller já é programa disputado e obrigatório para quem está turistando por lá. Ao todo, vinte e oito cabines compõem a mais alta roda-gigante do mundo. Uma volta completa dura 30 minutos - tempo suficiente para registrar com muitas fotos a paisagem sensacional que você verá no ponto mais alto - e a viagem é bem suave. Cada cabine comporta até 40 pessoas, o que permite até fazer uma festa. 

04

The Strip

Poucas ruas no mundo são tão famosas quanto essa. O trecho da Las Vegas Boulevard, entre a Sahara Avenue e a Russell Road, conhecido como The Strip, tem quase 7km e engloba os maiores hotéis da cidade. Lá você caminhará de Nova York ao Egito em poucos minutos, ou de Paris a Veneza apenas atravessando uma passarela.  

05

Torre Eiffel Hotel Paris

Marcando o centro da Strip, a réplica da Torre Eiffel, no hotel Paris, é umas imagens mais fotografadas da cidade. Com metade do tamanho da torre original, a versão de Las Vegas tem o mesmo charme e ainda conta com um "plus": mesas de pôquer! Como na versão parisiense, o mirante proporciona visual deslumbrante de 360° da cidade. 

06

Letreiro Welcome To Fabulous Las Vegas

É assim que você será recepcionado ao chegar à cidade no meio do deserto de Nevada. A famosa placa dá boas-vindas aos visitantes que procuram nada mais do que diversão. Desde 1959 ela estampa a entrada da Las Vegas Boulevard South (ou The Strip) e é a  porta de entrada dos grandes hotéis e cassinos.

06

Miracle Mile

Uma das melhores opções de compras na Strip é o Miracle Mile, no Planet Hollywood. O conjunto recebeu recentemente um grande investimento que remodelou a cara do shopping, hoje uma mistura de corredores modernos e áreas com decorações temáticas inspiradas no Marrocos - sem falar no incrível céu artificial. O mix de lojas - 170 no total - prioriza o público jovem e é extremamente variado, incluindo marcas como Urban Outfitters, H&M, GUESS, GAP e Victoria's Secret. 

07

Forum Shops

Em Vegas não há lugar como... Roma? Exatamente! Extravagância é uma boa palavra para resumir o Forum Shops, no hotel e cassino Caesars Palace. Do lado de fora, uma réplica da Fontana di Trevi anuncia o que está por vir. Na entrada principal, estátuas romanas com três andares de altura adornam as escadas rolantes em espiral. No teto, junto ao maravilhoso céu artificial, afrescos enfeitam os corredores. Além das fontes que decoram o interior, você encontrará também estátuas que falam. O shopping vai muito além de um mero centro de compras, é destino obrigatório para quem visita Vegas.

08

Fremont Street Experience e Fremont West

Se há um lugar que pode ser chamado de berço de Vegas, certamente é a Fremont Street. Lá a cidade ganhou os primeiros hotéis e cassinos e adquiriu boa parte da fama de “cidade do pecado”, que mantém até hoje. A região já foi a principal área de jogos de Vegas, entrou em decadência com a construção dos grandes cassinos na Strip e hoje vive novamente dias de glória.

09

Cirque du Soleil

O espetáculo do Cirque Du Soleil é o sonho de consumo de grande parte dos turistas que viajam para Las Vegas. É difícil encontrar quem opte por aproveitar os shows que a cidade oferece e não inclua ao menos uma apresentação da companhia canadense de circo. É a oportunidade de escolher entre sete espetáculos diferentes, a preços bem mais acessíveis que no Brasil. Tarefa árdua mesmo é escolher qual dos espetáculos incluir no roteiro da viagem.

Os shows atualmente em apresentação na cidade são:

“O” – O nome não poderia ser mais providencial. É exatamente com a boca aberta, como se falasse um “O”, que os espectadores ficam ao ver este show. Os números acontecem em um gigantesco tanque de água, o único em todo o mundo. Só isso já torna o espetáculo imperdível!

The Beatles Love – Ao som de famosos hits dos Beatles, bailarinos, artistas e palhaços apresentam-se em cenários incríveis. Emocionante para quem é fã de circo e da banda. É mais um musical do que uma apresentação de circo, porém não menos empolgante!

 

KÀ – Dizer que esta apresentação acontece por todo o teatro não é exagero. O palco móvel do KÀ surpreende a cada número do show. Os figurinos e os cenários remetem a tribos africanas e povos orientais, e o jogo de luz e projeção dramatiza ainda mais a apresentação.

Mystère – Este é um dos clássicos da companhia. O Mystère é puro circo. Com releituras de atrações tradicionais, o espetáculo tira o fôlego dos espectadores entre saltos de trapézio e malabarismos.

Zarkana – Em um palco gigantesco, com cenários grandiosos e figurinos de fantasia, o Zarkana é especialmente desenvolvido para apresentações de acrobacias. Segure-se na cadeira, pois a sensação é de voar junto com os artistas!

Zumanity – O lado mais sensual do Cirque du Soleil é apresentado neste espetáculo. Os contorcionismos casam com o burlesco e transformam o palco em um mix de circo e cabaré. Impressionante!

Michael Jackson One – Bailarinos e acrobatas apresentam-se no ritmo das batidas das enérgicas músicas de Michael Jackson. É impossível ficar parado na cadeira! O espetáculo é mais um da linha de musicais da companhia de circo.

Os ingressos são disputados, porém não se esgotam com tanta facilidade quanto os turistas imaginam. É possível, facilmente, comprar poltronas para apresentações no dia seguinte ou até no mesmo dia. 

10

Le Cafe Ile St-Louis

Aos pés da Torre Eiffel você terá a chance de curtir uma típica experiência parisiense. As mesinhas na “calçada” dão o clima dos cafés de rua e os prédios nos remetem às mais belas esquinas de Paris. Não fosse pelas centenas de máquinas caça-níqueis você poderia, por um instante, realmente acreditar que estava na Cidade Luz.

O cardápio é tipicamente francês - até mesmo as opções de menu em três passos, com entrada, prato principal e sobremesa -, como nos bistrôs de Paris. Croque Monsieur, sopa de cebola gratinada e Boeuf Bourguignon são excelentes pedidas para quem quer se sentir um pouco do outro lado do oceano.

Valor médio da refeição completa: US$ 35. 

11

Grand Canyon

 

O Grand Canyon é um desfiladeiro íngreme esculpido pelo rio Colorado, no estado do Arizona, nos Estados Unidos. A formação faz parte do Parque Nacional do Grand Canyon. O presidente estadunidenseTheodore Roosevelt foi um grande defensor da preservação da área do Grand Canyon e visitou-o em numerosas ocasiões para caçar e apreciar a paisagem.

O Grand Canyon tem 446 km de comprimento, até 29 km de largura e atinge uma profundidade de mais de 1,8 km. Por dois bilhões de anos de história geológica da Terra o rio Colorado e seus afluentes cortaram seus canais através das camadas de rocha enquanto o planalto do Colorado era erguido.

Apesar de alguns aspectos sobre a história da incisão do canyon sejam debatidos por geólogos vários estudos recentes apoiam a hipótese de que o rio Colorado estabeleceu seu curso através da região há cerca de 5 ou 6 milhões de anos. Desde essa época, o rio tem aprofundado e alargado o desfiladeiro.

Por milhares de anos, a área tem sido continuamente habitada por nativos norte-americanos, que construíram assentamentos em suas muitas cavernas. Os índios pueblo consideravam o Grand Canyon um local sagrado e faziam peregrinações a ele.[7] O primeiro europeu que avistou o Grand Canyon foi García López de Cárdenas da Espanha, que chegou em 1540.[8]